-->

Oxigênio: Aplicações e História da Descoberta

O oxigênio é um gás incolor, inodoro, ligeiramente solúvel em água (1 litro de água dissolve 48,9 mL de oxigênio gasoso a 1 atm de pressão). Congela-se a – 183 °C dando um líquido azul claro, solidifica-se a uma temperatura de - 218,4 °C.
oxigenio em estado liquido
Oxigênio em estado liquido
É comburente, forte oxidante, capaz de reavivar uma chama de um palito em brasa ou de uma palha de aço. O oxigênio forma compostos com todos os elementos da natureza, exceto os gases nobres, dando origem aos compostos conhecidos com óxidos.

É o elemento mais abundante da crosta terrestre. Constitui 89 % massa da água, 23 % molar do ar (21 % v) e aproximadamente 50 % dos minerais comuns.

Um pouco sobre a História da descoberta do Oxigênio


Descoberto independentemente por Carl Wilhelm Scheele e Joseph Priestley .O oxigênio foi primeiramente descoberto pelo sueco Scheele em 1772, que o obteve a partir do aquecimento de compostos como: KNO3, Mg(NO3)2, HgO e uma mistura de H3AsO4 e MnO2,denominando o de ar vitríolo.

carl wilhelm scheele
Retrato de Carl Wilhelm Scheele
Posteriormente em 1774, o inglês Joseph Priestley obteve o oxigênio através do aquecimento de óxido vermelho de mercúrio colocado no topo do mercúrio contido num cilindro, segundo a reação:

$2HgO\to 2Hg+{{O}_{2}}$

Mas só foi denominado oxigênio em 1778 por Antoine Laurent de Lavoisier, que após seus estudos sobre esse gás concluiu que ele era uma substancia simples, que estava presente em todos os ácidos (o que depois se comprovou ser uma conclusão errada, mesmo assim o nome permaneceu). Mas na época, esse estudo o ajudou a derrubar toda a Teoria do Flogisto e a criar a química moderna.

joseph priestley quimico image
Retrato de Joseph Priestley

Aplicações do oxigênio

  • Na medicina, o oxigênio é usado na produção de ar enriquecido de O2 para uso médico.
  • Em indústrias metalúrgicas, o oxigênio é usado como comburente de maçaricos para soldagem e corte de materiais de ferro e aço.
  • Na indústria Química, o oxigênio é usado para o preparo de uma gama variada de compostos de interesse, como o peróxido de hidrogênio, o cloro (por oxidação do HCL), o óxido de etileno, o ozônio, etc.

Referências


Sobre o autor


Pedro Coelho Olá meu nome é Pedro Coelho, eu sou engenheiro químico, engenheiro de segurança do trabalho e Green Belt em Lean Six Sigma. Além disso, também sou técnico em informática, e em parte de minhas horas vagas me dedico a escrever artigos aqui no ENGQUIMICASANTOSSP, para ajudar estudantes de Engenharia Química e outros cursos. Se você acha legal esse projeto, siga-nos através de nossas paginas nas redes sociais e ajude-nos a divulgar essa ideia, compartilhando com seus amigos as nossas postagens.

Marcadores : quimica-inorganica
3 Comentários de "Oxigênio: Aplicações e História da Descoberta "

Mas como ele descobriu o oxigênio? Não existia antes? Como as pessoas respiravam? O título deveria ser outro.

Olá Maria

Resumidamente, o oxigênio está presente na atmosfera a muito tempo, porém os cientistas da época não o conheciam e nem sabiam da importância dele para a vida. Antes da descoberta dele, as pessoas acreditavam na teoria do flogisto, que foi criada pelo o químico e médico alemão Georg Ernst Stahl, que aperfeiçoou a teoria de Johann Joachim Becher. Segundo ele, os corpos combustíveis possuem uma matéria chamada flogisto, que é liberada ao ar nos processos de combustão.

Após os experimentos de Priestley (citado na postagem) e Lavosier, descobriu-se a existência do oxigênio e o papel do mesmo na respiração, sendo que o papel do mesmo na respiração não era conhecido ainda.
Espero que agora você entenda a história :)

Um abraço

Os comentários são sempre bem vindos, pois agregam valor ao artigo. Porém, existem algumas regras na Política de Comentários, que devem ser seguidas para o seu comentário não ser excluído:
- Os comentários devem estar relacionados ao assunto do artigo.
- Jamais faça um comentário com linguagem ofensiva ou de baixo calão, que deprecie o artigo exposto ou que ofenda o autor ou algum leitor do blog.
- Não coloque links de sites ou blogs no corpo do texto do comentário. Para isso, assine com seu Nome/URL ou OpenID.
-Não coloque seu email e nem seu telefone no corpo do texto do comentário. Use o nosso formulário de contato.
- Se encontrar algum pequeno erro na postagem, por favor, seja bem claro no comentário, pois a minha bola de cristal não é muito boa.
- Tem vezes que eu demoro pra responder, mas quase sempre eu respondo.
- Não seja tímido, se você tem alguma duvida ou sabe de algo mais sobre o assunto abordado no artigo, comente e compartilhe conosco :)

Back To Top